Notícias/Artigos

Blog

20 de março de 2018 Pele por dratatigabbi Sem Comentários

Bolhas nos pés

Alguns pacientes vêm ao consultório com queixa de bolhas nos pés! Lá vão 7 informações importante sobre este assunto:

  1. Na maioria das vezes as bolhas nos pés se formam devido ao atrito com os calçados, meias e/ou com o piso.
  2. O atrito leva à perda da integridade das camadas mais profundas da epiderme, com manutenção da camada de queratina, que é grossa.
  3. Com isso, o líquido que vem da derme fica aprisionado pela camada de queratina e vemos a formação da bolha.
  4.  Além desse mecanismo, temos, também, causas mais raras, como doenças autoimunes e reações a alguns remédios.
  5. Em geral, nesses casos, as bolhas são mais dolorosas e se formam de repente, sem que haja atrito prévio.
  6. Algumas micoses também podem aparecer com pequeninas pústulas, que podem ser confundidas com “bolhinhas” pelos pacientes.
  7. Por esse motivo, é importante consultar o médico dermatologista caso as bolhas surjam sem um motivo aparente, ou seja: sem que a pessoa tenha andado muito ou usado um sapato apertado ou desconfortável.

Como tratar e prevenir esse problema?

O tratamento é feito com curativos, uso de cremes hidratantes à base de glicerina e antibióticos de uso local, quando necessário.

Não se deve remover a pele que recobre a bolha, porque isso facilita a infecção e retarda o processo de cicatrização.

A principal recomendação que podemos fazer é no sentido de prevenir a sua formação:

• Evite fazer caminhadas, viagens, corridas e passeios com sapatos novos!

• Aposte em calçados confortáveis, como tênis com sistema de amortecimento para absorção do impacto.

• Os talcos e silicones ajudam a reduzir o atrito dos pés com o calçado e podem ser úteis na prevenção desse tipo de lesão.

Gostou ? Compartilhe!

Sem Comentários

Deixe um Comentário