Notícias/Artigos

Blog

6 de setembro de 2018 unhas por dratatigabbi 2 Comentários

O que esperar do tratamento das unhas encravadas com fenol?

Sempre que possível optamos pelo tratamento das unhas encravadas com fenol, devido à melhor recuperação e conforto para o paciente no período pós-operatório.

O fenol é uma substância cáustica que provoca queimadura e destruição da matriz ou fábrica da unha. Ele é aplicado na matriz após o corte do canto com esse objetivo.

Dessa forma, o canto vai parar de ser fabricado e, assim, teremos um excelente resultado tanto do ponto de vista estético como funcional.

Uma vez que, nessa cirurgia, não são necessários pontos, a dor é muito menor! Além disso, o fenol tem a propriedade de “enganar” as terminações nervosas e – por esse motivo também – os pacientes, às vezes, observam um formigamento temporário no pós-operatório (ou seja: desaparece com o passar do tempo).

Outra coisa que costuma acontecer nos primeiros dias após o procedimento é uma inflamação discreta e a saída de um líquido claro.

Trata-se da queimadura causada pelo fenol! Isso não deve gerar angústia ou preocupação, pois faz parte do esperado!

É por esse motivo que muitos médicos optam em deixar os pacientes com antibióticos após o procedimento: essa queimadura, aliada à “aflição” do paciente em realizar a higienização adequada da ferida, pode levar a uma infecção do local da cirurgia.

No próximo post vamos falar dos cuidados no pós-operatório!

Espero que tenham gostado do post. Se tiverem dúvidas, deixem aqui nos comentários!

 

Gostou ? Compartilhe!

2 Comentários

  • Jurema
    28 de março de 2019 at 21:38 Responder

    Boa noite!
    Será que poderia me ajudar tenho uma micose que não sara.
    Há anos faço tratamento e nada resolve.
    De uns tempos para cá tenho sentido latejando e doendo.
    Como tenho problemas de gastrite ,gordura no figado e diabetes.
    Não posso mais tomar o fluconazol.
    Gostaria de passar em uma avaliação com a Sra.
    Grata por vossa atenção

    1. dratatigabbi
      24 de outubro de 2021 at 08:40 Responder

      Micose que não sara: marcar consulta com o médico dermatologista para ver o que é!

Deixe um Comentário